Análise Sharkoon SharkZone K20

Votos de utilizador:  / 1
FracoBom 

Boas pessoal, hoje para vocês temos um teclado gaming com retroiluminação de uma marca alemã que nos tem vindo a conquistar, a Sharkoon. O teclado que hoje aqui temos tem os típicos switches “dome”, mas apresenta uma construção muito cuidada, assim como tem algumas funções secundárias bastante importantes. Tudo isto por um preço relativamente acessível, este K20 tenta ser uma opção para os gamers que não gostam de teclados mecânicos ou simplesmente não possuem um orçamento que estique assim tanto. Vamos ver o que mais ele nos tem para mostrar.

 

Primeiro contacto

A Sharkoon é uma empresa que não tem um tipo único de especialização em termos de produtos, pelo que tem um pouco de tudo. Desde periféricos, hardware, cooling, esta marca tem de tudo um pouco, sendo dirigida para os gamers que valorizam o aspecto, aliado a um preço acessível. Estes acessórios para gaming revelam que a Sharkoon aposta forte nos gamers, pelo que vamos ver se realmente merece a nossa confiança. Mais um elemento da gama da SharkZone, desta vez um teclado o K20.

Especificações

“Sharkoon K20

General:

Type:      Gaming Keyboard

Switch Technology:               Rubber Dome

Illumination:             White, Red, Blue

Adjustable Illumination:           50%, 100%, Pulsating, Off

Max. Polling Rate:  1,000 Hz

Gaming Mode:       

Block:      3-Block Layout

Palm Rest:              Integrated

Weight incl. Cable: 1.35 kg

Dimensions (L x W x H):       455 x 210 x 37 mm

Supported Operating Systems:             Windows 7/8/10, Mac OS, Linux

Key Properties:

Function Keys with Preset Multimedia Actions:   

Multi-Key Rollover Support:  

Arrow Keys Functions are Interchangeable with the WASD Section:

Operating Life Cycles of Keys:             Min. 10 Million Keystrokes

Cable and Connectors:

Connector:             USB

Cable Length:         160 cm

Gold-Plated USB Plug:          

Especificações retiradas do site da Sharkoon

Unboxing

Embalagem

Esta é a embalagem do Sharkoon SharkZone K20 Illuminated Gaming Keyboard, que como de costume revela ter o contraste do preto com o amarelo comum nos sinais de perigo com tubarões. De resto não existe assim grandes grafismos na parte frontal da embalagem, pelo que vamos observar os restantes lados.

Na parte inferior da mesma é possível observar um pequeno autocolante que nos revela que a versão que chegou até nós é a versão com US layout, estando disponíveis outras versões, ainda que não a versão com Layout PT.

A parte traseira, como sempre, revela-nos textos em diferentes línguas (uma das quais a portuguesa), onde somos elucidados acerca de algumas das características interessantes deste teclado. Já na parte esquerda da embalagem podemos contar com uma imagem deste teclado.

Resta então abrir a embalagem e verificar que o K20 vem muito bem embalado e protegido.

Em suma a embalagem é bastante interessante, onde os únicos acessórios são os suportes de silicone e o manual, mas ainda assim a embalagem é bem acabada. Vamos ver se o K20 também o é!

Sharkoon K20

Este é o Sharkoon SharkZone K20, um teclado gaming retroiluminado que é muito bem acabado. Chamo especial atenção para os suportes de pulso em silicone que complementam muito bem o acabamento em metal do teclado. Em geral as teclas são altas e têm o toque característico de um teclado “rubber dome”.

Fazendo um pequeno zoom do lado esquerdo do teclado, ao observar as 4 teclas mais reconhecidas pelos gamers (WASD, obviamente), podemos verificar que elas têm umas setas a indicar. Isto serve para, com o botão da Sharkoon, carregar numa determinada tecla e fazer a função da seta correspondente, por exemplo, ao carregar no W mais o botão da Sharkoon, irá realizar a função correspondente à tecla de “cima”. O TAB e o ESC também têm funções secundárias que iremos ver mais adiante.

Do lado direito do teclado podemos ver que as teclas de direção também têm as letras respectivas nelas impressas, pois um clique no botão Sharkoon e na seta de direcção correspondente, activa a tecla impressa.

Esta vista de perfil permite compreender melhor o modo como as teclas estão montadas, sendo que podemos ver que sob a parte de metal temos espaço vazio.

E aqui mais uma foto que permite ver ainda melhor o que pretendia dizer anteriormente. Este modo de apresentação das teclas é certamente muito agradável e permite distinguir o K20 dos restantes concorrentes.

Não se preocupem por não verem quaisquer tipos de pés na parte traseira, pois o próprio teclado é naturalmente inclinado para um maior conforto durante a escrita.

Finalizando com o cabo incluído, como podem ver temos uma porta USB 2.0, compatível com USB 3.0, juntamente com um revestimento a borracha muito interessante.

A primeira vista deste K20 revela um teclado muito interessante e bem construído, mas será que na utilização o mesmo sentimento se mantem? Vamos ver.

Sistema de teste

O Sharkoon K20 vai ser testado no nosso sistema de testes:

- Intel Core i5 3570k 3.4 GHz @ 4.5GHz

- Asrock Z77 PRO3

- 16GB GeIL EVO Veloce 1866 MHz @ 2133 MHz

- Samsung 160 GB

- Kingston HyperX 240GB

- Antec HCG 750W

- Noctua NH-D15S

- GigaByte R7 250x 1GB

- Antec P380

- Windows 8 Profissional x64

- Sabre DAC com Objective 2 AMP

Um agradecimento à Noctua, à Antec, à GeIL, à AMD, à Kingston por fornecerem os componentes que constam da banca de testes.

Utilização

Acima encontra-se uma das cores disponíveis para iluminação.

Para um teclado temos que ter em conta o feel de utilização e ainda algumas das características que o mesmo possui e que podem ser úteis para a maioria dos utilizadores. Vamos começar então pelas características interessantes, este K20 não tem qualquer software pelo que quaisquer características secundárias são possíveis de ser utilizadas apenas com a ajuda do botão Sharkoon no teclado.

Algumas das mais interessantes são o facto de ser possível modificar a cor e o tipo de “piscar” das luzes apenas com atalhos, sendo que para efectuar a primeira modificação basta pressionar o botão Sharkoon em conjunto com o ESC, e a segunda o botão Sharkoon com o TAB. Para além disso temos diversos outros atalhos interessantes com a tecla Sharkoon, como o controlo de volume, bloqueio da tecla Windows e mais, tudo isto nas teclas F’x’.

Uma das outras cores possíveis de obter no Sharkoon SharkZone K20.

Passando agora à utilização possível de obter com este teclado, devo dizer que o facto da sua base ser feita de metal faz com que o mesmo fique centrado na vossa mesa e não se mexa mesmo durante sessões de gaming em que o tratem mal. Para além disso, a durabilidade do mesmo, é também bastante elevada dada a sua base em metal. Os repousos para pulso em silicone requerem alguma manutenção, pelo que uma lavagem semanal regular deve ser o ideal (para evitar acumular detritos).

A outra cor possível de obter.

Já utilização em gaming, é bastante boa, mesmo para um teclado de tipo “rubber dome”, sendo a atuação dentro daquilo que seria de esperar para um teclado deste tipo. O mesmo se pode dizer acerca da escrita com o teclado, sendo o mesmo muito confortável e dos melhores teclados no que toca a “rubber domes”.

Assim sendo não há muito mais a dizer acerca da utilização deste teclado, a não ser que o mesmo aparenta ser resistente, durável e confortável durante a sua utilização!

Conclusão

Sharkoon K20

Positivo

+ Qualidade de Construção

+ Retroiluminação

+ Não necessita de Software

Negativo

- Continua a ser um teclado de “rubber domes”

Preço de venda médio: 39,99 € (Preço recomendado)

Performance: 8/10

Preço: 7.5/10

Qualidade de Construção: 9/10

Geral: 8/10

A Sharkoon comprova mais uma vez que sabe o que é necessário para convencer os gamers que têm um orçamento mais reduzido, e mesmo assim, oferece um produto de muito boa qualidade (a parte metálica do teclado deixa qualquer um rendido). Obviamente que quem está habituado a um teclado mecânico irá notar diferença na utilização. Ainda assim, temos retroiluminação de três cores diferentes e alguns atalhos que irão ser muitos úteis durante a utilização quotidiana do K20.

Por tudo isto o Sharkoon Sharkzone K20 é um produto recomendado pelo InsideGeeks!

Agradecemos à Sharkoon pela amostra do produto gentilmente cedida para análise.

Share on Myspace
Realtime website traffic tracker, online visitor stats and hit counter